O que estou jogando: Final Fantasy XII

Por: André Breder Rodrigues

Atualmente eu ando meio indeciso quanto a qual game me dedicar. Após jogar umas nove horas de Rogue Galaxy, que é um ótimo RPG, acabei passando a jogar Grandia III, que ao contrário de Rogue Galaxy eu ainda não terminei nenhuma vez. Pois bem, justo quando estou já no segundo DVD de Grandia III, e com quase 40 horas de jogo, eis que sinto uma “atração” quase irresistível de jogar, pela terceira vez, o clássico Final Fantasy XII. E não deu outra: estou com quase 5 horas de jogo nele, e não consigo mais parar! Vou tentar dividir meu curto tempo livre entre estes três belos RPGs… mas é muito provável que acabe me dedicando mais ao Final Fantasy XII, que é, dentre os três, o mais “gostoso” de se jogar. Vamos ver qual deles eu termino primeiro…

10 Responses to “O que estou jogando: Final Fantasy XII”


  1. 1 Cosmão outubro 5, 2009 às 12:41 pm

    Ainda não joguei FF12…

    *se auto flagelando com um chicote*

  2. 2 Sabat outubro 5, 2009 às 4:07 pm

    Esse é aquele game que divide opiniões… E COMO DIVIDE!!! Nunca vi um game tão “ame ou odeie” quanto FFXII… eu particularmente odeio😄

    É o pior FF de todos que eu joguei na minha opinião ahuhuhauha

    • 3 André Breder outubro 5, 2009 às 6:10 pm

      Na minha visão todos os games da série Final Fantasy pós FF VII dividem opiniões dos fãs, sendo que tem gente que odeia o VIII, outros o X, ou o XII; mas também todos estes games tem uma leva enorme de fãs e venderam milhões de cópias.

      Eu particularmente não odeio nenhum dos games da franquia Final Fantasy que eu joguei até hoje (a saber os episódios IV, VII, VIII, IX, X, X-2 e XII), e por mais difícil que seja “eleger” um preferido entre tantos games bacanas, tenho uma “queda” pelo XII, principalmente por seu sistema de combate mais dinâmico… confesso que já estava de saco cheio de batalhas de turnos nos RPGs como se isso fosse uma regra obrigatória, e o sistema de combate em tempo real caiu como uma luva para mim.

      Agora se é pra escolher o que eu menos gosto, meu voto vai pro X-2, que apesar de ter um sistema de combate (mesmo ainda sendo por meio de turnos) bem bacana, tem a história mais boba que já vi em um game do gênero.

      • 4 Sabat outubro 7, 2009 às 10:45 am

        É rapaz, o X-2 é ruim de aguentar viu kkk…

        Meus preferidos são na ordem de importancia: 7, 6, 5, 9, 10
        Tosqueira pra mim na ordem de tosquice: 10-2, 8, 12.

        O 7 eu considero o 2º melhor RPG que eu ja joguei, so atras de Chrono Trigger. 5 e 6 são bem na linha de CT, rpgs classicos extremamente bons e cativantes!
        Mas do 7 pra frente, não gostei do rumo que a série tomou. A versão 8 foi a gota dagua não só em matéria de FF, mas de qq RPG que se apóie apenas em gráficos e conversa. Terminei mas detestei o 8. Achei ele um rpg lento demais, com história arrastada demais, protagonista chato demais, facil demais… achei 1000x melhor o Chrono Cross, que foi lançado na mesma época. O 9 eu gostei muito, tentou resgatar as origens de FF com uma história mais magica e fantasiosa, e deu certo. Problema é que ficou curto demais. 10 é um bom rpg, mas nada de mais, se não fosse o FF no nome, seria um rpg qualquer como um MagnaCarta por exemplo: bom e pouco jogado. 10-2, deus do céu, que que é aquilo??? kkkkk esse não dá😄 joguei 2hs e não aguentei continuar, fui jogare Star Ocean 3!

        Agora o XII mano… sei la, esse divide opiniões de um jeito que eu nunca vi!!! Tá loco, tem gente que da noda 1 e que da nota 10, o mesmo com publicações e sites famosos, e até no japão onde o povo é bitolado por FF foi assim tb. E o motivo é sempre o mesmo, o que define se o cara vai amar ou odiar: o sistema de combate!! Muitos gostam, muitos odeiam.

        Eu achei muito ruim, pois XII trata-se de um game onde agente passa a maior parte do tempo assistindo história e conversando, ae quando agente chega na treta que é onde agente pode finalmente jogar, inventaram um sistema de batalha que até isso quer fazer por vc! Tanto que a Square ja disse a muito tempo que baniu o sistema de batalha dele para o próximo jogo, que vai voltar a ser o clássico turno com barra de tempo.

        Na minha modesta opinião, eu acho que a série deveria tentar um capítulo como ACTION RPG, Cristal Chronicles está ai pra provar que dá muito certo!

  3. 5 Cosmão outubro 6, 2009 às 7:13 am

    Lendo seu post, Breder, acho que não vou gostar desse FF12….ainda não consegui me simpatizar com esse “novo” sistema dos RPGs atuais, o tal “RPG de ação”, ainda sou um velho carrancudo que adora combates por turnos.

    • 6 André Breder outubro 6, 2009 às 2:24 pm

      Comigo já é o contrário, sou um “velho carrancudo” que já está de saco cheio de chatos combates por turnos… são quase vintes anos jogando games neste esquema, mais cedo ou mais tarde eu tinha que enjoar mesmo… graças a Deus existem games excelentes como Rogue Galaxy e Final Fantasy XII que fogem deste “padrão”.

  4. 7 André Breder outubro 7, 2009 às 3:38 pm

    “E o motivo é sempre o mesmo, o que define se o cara vai amar ou odiar: o sistema de combate!! Muitos gostam, muitos odeiam.”

    Eu definitivamente faço parte dos que gostam do sistema de combate de FF XII. Como já disse antes, já estava de saco cheio de batalhas por turnos, e o modo de batalha em tempo real foi quase que “uma salvação” para mim. Foi um passo ousado por parte da Square Enix ter investido em tal sistema, e eu faça parte dos que acham que ele deveria ser incorporado em algum game futuro da franquia, mas claro, trazendo inovações como já é costumeiro quando se trata de Final Fantasy (digo isso porque li recentemente um japa que é correspondente do site UOL lamentando pela volta das batalhas por turnos no FF XIII, ou seja, não sou o único a pensar que voltar ao sistema de turnos é um retrocesso).

    E o sistema de Gambits tem outra qualidade por ser livre quanto ao seu uso, pois se o jogador quiser pode simplesmente desligá-lo e então definir na hora da batalha o que cada um dos seus personagens irá fazer.

    Outro ponto positivo que eu vejo em FF XII é a sua história: muito mais adulta, cheias de tramas políticas, mantendo o clima de fantasia sem cair na infantilidade. E graças a Deus alguns clichês dos RPGs foram deixados de lado em FF XII; como o fato dos protagonistas não formarem um casal romântico ou o vilão principal não querer destruir o mundo, ainda mais sem ter um motivo realmente convincente para isso.

    Mas é como diz aquele velho ditado: gosto é igual cu, e cada um tem o seu. Da mesma forma que eu com meus comentários não pretendo mudar a forma que outro gamer pensa a respeito do FF XII; eu tenho certeza absoluta que assim também o faz o caramarada Sabat, que está mesmo só sendo totalmente sincero em relação ao game em questão. Só estou sendo “chato” e defendendo tanto o FF XII porque ele é o meu favorito da série, então creio que qualquer um pode entender o meu lado também…

  5. 8 Sabat outubro 7, 2009 às 7:38 pm

    Claro po, só tava sendo sincero mesmo😄, eu não gosto de meias opiniões sabe? kkk

    Eu tb cheguei num momento em que não aguentava mais rpgs por turno A NÃO SER que tivessem algo de especial que os deixasse BEEEMMMM mais dinamico, e é dificl de achar isso. Os últimos que eu vi que possuiam um turnão ferradão de bom onde a vitória dependia muito mais das estratégias, táticas e esquemas e não somente do lv e equips dos personagens, foram Golden Sun 1 e 2 para GBA. JOGASSOS, recomendo a qualquer um. Depois dai, passei a jogar só os rpgs action mesmo, como Star Ocean 3, série Tales, Kingdon Hearts, o excelente Radiata Históries, e por ae vai.

    Ja esperimentou algum desses andre? Só jogão, e nada melhor que poder controlar totalmente o seu buneco na hor da batalha!!😄

    • 9 André Breder outubro 8, 2009 às 6:34 pm

      Desses que você citou já joguei um da série Tales, o Tales of The Abyss e achei simplesmente sensacional! Tenho o Tales of Legendia aqui no “covil” também e jogarei ele futuramente. Joguei também o primeiro Kingdon Hearts e estou no último chefe, mas andei apanhando tanto dele que acho que terei que melhorar (e muito) o nível dos meus personagens para passar com ela com mais “folga”. Um dia ainda arrumo o Star Ocean 3 pra jogar…

  6. 10 Knives outubro 9, 2009 às 10:17 am

    sei la eu curti quase todos …
    tem alguns que vc perde a paciencia por ser um jogo muito granda, mais sei la o grafico sempre e muito recompensante e a historia do jogo e sempre bem legal e faz com que o jogador fique na espequitativa de termina e. Pelo menos foi assim comigo em todos os final Fantasy .
    😄


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




PlayStation 2 Imortal

Venha relembrar aqui os grandes clássicos do 128 bits da Sony!
outubro 2009
D S T Q Q S S
« set   nov »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Blog Stats

  • 286,936 hits

%d blogueiros gostam disto: