Archive for the 'O que estou jogando' Category

O que estou jogando: Dot Hack Part 1 – Infection

Por: André Breder Rodrigues

Quem acompanha o blog sabe que ando meio indeciso quanto a que game me dedicar a jogar. Não faz muito tempo que comecei a jogar pela segunda vez o ótimo game Rogue Galaxy, daí acabei partindo pro Grandia III, depois acabei pegando o Final Fantasy XII, e agora estou jogando outro: Dot Hack Part 1 – Infection!

Já fazia um tempo que eu lia sobre esta franquia, e estava querendo experimentá-la. Pois bem, baixei a primeira parte (leia-se primeiro game) da série e… já estou com mais de 12 horas de jogo! Dot Hack Part 1 – Infection é um RPG offline que simula um online, onde você pode até mesmo receber e enviar e-mails antes de se aventurar pelo mundo fantasioso do jogo. É um game que é bem básico, onde você sempre tem que vasculhar cavernas e ficar lutando para aumentar de nível, mas toda esta simplicidade acabou me cativando, pois ele acaba sendo quase que um RPG casual, se é que isso existe.

Bem, só Deus sabe se a partir de agora irei jogar apenas o Dot Hack Part 1 – Infection até o fim ou partirei para outro game… quem viver verá…

Anúncios

O que estou jogando: Final Fantasy XII

Por: André Breder Rodrigues

Atualmente eu ando meio indeciso quanto a qual game me dedicar. Após jogar umas nove horas de Rogue Galaxy, que é um ótimo RPG, acabei passando a jogar Grandia III, que ao contrário de Rogue Galaxy eu ainda não terminei nenhuma vez. Pois bem, justo quando estou já no segundo DVD de Grandia III, e com quase 40 horas de jogo, eis que sinto uma “atração” quase irresistível de jogar, pela terceira vez, o clássico Final Fantasy XII. E não deu outra: estou com quase 5 horas de jogo nele, e não consigo mais parar! Vou tentar dividir meu curto tempo livre entre estes três belos RPGs… mas é muito provável que acabe me dedicando mais ao Final Fantasy XII, que é, dentre os três, o mais “gostoso” de se jogar. Vamos ver qual deles eu termino primeiro…

O que estou jogando: Devil May Cry 3

Por: André Breder Rodrigues

Mesmo estando atualmente me divertindo muito com o Grandia III, já estando com mais de 12 horas jogadas neste belíssimo RPG, neste final de semana resolvi pegar um game mais “leve” para me distrair: Devil May Cry 3 – Dantes Awakening – Special Edition!

Estou com um pouco mais de duas horas de jogo e me divertindo muito fatiando esqueletos e outros seres vindos diretamente dos quintos dos infernos! Vou passar então a jogar tanto o Grandia III quanto o Devil May Cry 3 nos próximos dias. Variar também é necessário… mesmo quando o assunto é games! 🙂

O que estou jogando: Grandia III

Por: André Breder Rodrigues

Não faz muito tempo que eu joguei, e terminei, o RPG Grandia II, em sua versão para o PlayStation 2. Gostei bastante do jogo, principalmente pelo seu excelente sistema de batalha, que é praticamente uma tradição na franquia e seu principal fator positivo.

Recentemente peguei o Grandia III e comecei a jogá-lo, mesmo já estando um pouco ocupado com o Rogue Galaxy… mas o sistema de batalha de Grandia III é tão viciante, tão bacana… que passei algumas horas do meu final de semana jogando este grande jogo da Game Arts!

Vou tentar dividir meu tempo corrido entre estes dois grandes RPGs, e se você curte o gênero mas ainda não conhece nenhum jogo da franquia Grandia, corra atrás de algum deles agora mesmo! Nenhum fã de RPG pode ir pro caixão sem ter jogado um Grandia em sua vida!

O que estou jogando: Rogue Galaxy

Por: André Breder Rodrigues

Existem games que você gosta tanto, que mesmo após terminá-los, e mesmo tendo um monte de games que ainda nem jogou te esperando na estante, você acaba pegando-os novamente para jogar. Um game que casa perfeitamente nesta minha afirmação é o RPG Rogue Galaxy.

Não faz tanto tempo que eu terminei este game, tendo inclusive narrado meus progressos nele no site Jogatina. Mas como eu gostei tanto deste game, acabei pegando-o recentemente para jogar e… já estou com 5 horas jogadas! Rogue Galaxy é realmente divertido, com batalhas em tempo real que deixam tudo ainda mais empolgante.

Fica aí uma dica para os fãs de RPG que não tenham o jogando ainda: dê uma chance para Rogue Galaxy e vicie você também!

O que estou jogando: Tales of The Abyss

Por: André Breder Rodrigues

Para aqueles que pensam que somente RPGs da franquia Final Fantasy prestam, um conselho: joguem Tales of The Abyss e se viciem como eu neste épico game!

Em termos técnicos ele não fica devendo nada aos games da Square-Enix que foram lançados para o imortal, com gráficos lindos e uma sonoridade caprichada! Dê uma sacada só na belíssima abertura do game:

A abertura é tão bacana que sempre que vou iniciar mais uma jogatina em Tales of The Abyss eu a assisto!

Um dos pontos mais bacanas neste game, além de sua história cheia de mistérios e reviravoltas, é seu sistema de combate, que é em tempo real, mas nada automático como o que foi visto no game Final Fantasy XII por exemplo: você pode atacar, defender ou até mesmo fugir dos inimigos, em um modo de batalha que lembra os tradicionais games de luta.

Já estou com mais de 30 horas de jogo, e espero que ainda tenham no mínimo mais 30 para serem jogadas, pois Tales of The Abyss é um RPG divertidíssimo… e viciante!


PlayStation 2 Imortal

Venha relembrar aqui os grandes clássicos do 128 bits da Sony!
outubro 2018
D S T Q Q S S
« ago    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Blog Stats

  • 293.514 hits
Anúncios